10 agosto 2013

PORQUE SOU ATIVISTA DA AMAMENTAÇÃO - Blogagem Coletiva


Em primeiro lugar, porque fui uma mãe omissa. Quando tive meu único filho, tinha 21 anos. Fiz 22 lá no hospital. Não queria amamentá-lo porque "doía" muito... Na verdade, havia tanto leite que "empedrou"... Depois de resolvido o problema, meu filho não sabia sugar e doía mais ainda... Então eu tirava o leite do peito com a bombinha e dava na mamadeira... Pra mim, era mais fácil... Quando consegui amamentar de fato, ficou pouco tempo, pois ainda estudava (fazia magistério) e quando ele queria o peito, não estava em casa! O peito vazava, manchava minhas roupas e eu achava aquilo um horror!
Consequência: meu filho mamou apenas 2 meses!
Depois disso, descobri muitos problemas de saúde nele: bronquite, asma, rinite... se eu tivesse insistido na amamentação, talvez ele não tivesse nada disso!
Se eu tivesse amamentado por mais tempo, teria emagrecido mais rápido: engordei 20 quilos, nunca perdidos...
Em segundo lugar, porque descobri tardiamente (mesmo lendo muito) que a amamentação é um excelente "remédio" para a mãe e o bebê... Além de estreitar os laços entre os dois. Meu filho foi criado pela minha mãe; sua verdadeira mãe!
E, hoje, mais velha, depois de tudo isso, descubro que já não posso mais ter filhos e nem ao menos amamentá-lo!
Por isso sou ativista... Para incentivar mais e mais Mães a criar sim, um vínculo mais estreito com seus bebês; a cuidar deles com mais carinho e sobretudo amamentá-los. Pelo menos até 1 ano de idade. Para que as crianças cresçam saudáveis, fortes e livres de doenças, facilmente evitáveis!
O primeiro leite que o bebê mama de sua mãe, é o mais rico em vitaminas, é ele a "vacina" natural que a mãe "serve" a seu rebento.  É o chamado "colostro". Um leite mais grosso e mais amarelo que o normal.
Meu filho tomou desse leite, mas não de mim, da mamadeira que eu mesma dei a ele... Porque doía muito!

Este texto faz parte da Blogagem Coletiva 
Porque sou ativista da amamentação 

2 comentários:

Luma Rosa disse...

Oi, Milene!!
Estou feliz porque resolveu participar da blogagem, dando o seu testemunho. Infelizmente muitas mães imaturas emocionalmente não entendem que as dificuldades do início da amamentação é apenas uma fase de adaptação que vai se ajustando com a convivência. Mas não lastime, pois serviu de aprendizado e hoje é uma ativista da amamentação!!
Obrigada por participar!!
Beijus,

Vanessa Anacleto disse...

Sua falta de conscientização certamente veio da pouca idade de falta de informação da importância do aleitamento. E em seu depoimento você mostra que compreendeu o preço que pagou a ponto de se transformar em alguém que incentiva outras mães a amamentarem. Abraço!

Vanessa

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...